Digite aqui o seu e-mail e passe a receber a programação cultural GRATUITA do Rio de Janeiro

31 de jul de 2017

Clara Gurjão se apresenta em cinco unidades do Sesc Rio



Clara Gurjão volta ao Rio com o show Ela, depois de levar a turnê de seu álbum de estreia pelos palcos nacionais e de uma temporada na Europa. No ano passado, Clara encerrou o Festival de Inverno do Sesc, no Hotel Quitandinha em Petrópolis. Agora, entre os dias 5 e 26 de agosto, Clara volta a se apresentar nos palcos do Sesc Rio, em cinco unidades: Sesc Madureira (5), Sesc Tijuca (12), Sesc Niterói (18), Sesc Barra Mansa (19) e Sesc Engenho de Dentro (26).

Balada, samba, jazz e pop estão no cardápio da cantora, compositora e violonista carioca, que apresenta canções autorais cheias de suingue como "Vou te esperar", "O mundo é tentador, rapaz", "Pequenos segredos" e "Ela". O show também tem releituras originais de Leo Jaime, Negro Leo e Rita Lee, além de "Muito" (Caetano Veloso) e "Como Fue" (Ernesto Duarte Brito), gravadas por Clara em seu primeiro disco.

Clara Gurjão (voz e violão) será acompanhada por Danilo Andrade (teclado), Marcelo Costa (bateria), Michel Nascimento (percussão), Magno Souza (baixo) e Pitter Rocha (guitarra).


Serviço

5/8, 19 horas - Sesc Madureira
12/8, 20 horas - Sesc Tijuca
18/8, 17 horas - Sesc Niterói
19/8, 19 horas - Sesc Barra Mansa
26/8, 19 horas - Sesc Engenho de Dentro.

Ingressos: R$ 25,00 inteira; R$ 12,00 meia entrada e R$ 6,00 para sócios do SESC

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

MUSICA
IARA IRA 


No dia 01/08 as cantoras Júlia Vargas, Juliana Linhares e Duda Brack, três das vozes mais promissoras da nova geração, se apresentam juntas com no show IARA IRA

Com curadoria de Thiago Vedova e patrocínio da Oi e apoio do Oi Futuro, festival tem encontros musicais, em sua maioria inéditos, sempre às terças-feiras

No dia 01/08 ÀS 20h30 o Festival A.NOTA 2017 apresenta sua segunda atração: o show IARA IRA, que reúne as cantoras JÚLIA VARGAS, JULIANA LINHARES e DUDA BRACK, consideradas três das vozes mais destacadas da nova geração, num sensível e espetacular encontro musical. Juntas no palco através de diálogos e jogos musicais que exploram um repertório precioso, as três cantoras traçam um sincero panorama da nova safra de intérpretes brasileiras, num show que valoriza o canto e que aposta na força da mulher e da feminilidade, no sentido de empoderar e dar voz àquelas que precisam falar.

O projeto tem direção musical do músico Thiago Amud, considerado por nomes como Guinga, Caetano Veloso e Milton Nascimento como um dos grandes compositores e arranjadores da atualidade. E a banda é formada por músicos que extrapolam o domínio do instrumento, atuando também como produtores musicais, compositores e arranjadores. São eles: Elisio Freitas, Ivo Senra e Lourenço Vasconcellos.

01/08 – Iara Ira (Júlia Vargas + Juliana Linhares + Duda Brack)
08/08 – Barbara Eugenia e Tata Aeroplano
15/08 – Sambas do Absurdo (Juçara Marçal + Gui Amabis + Rodrigo Campos)
22/08 – Marcos Suzano e Marcelo Vig
29/08 – César Lacerda e Rômulo Fróes
05/09 – Mundo Cordeiro (Felipe Cordeiro + Manoel Cordeiro)

E muito mais está por vir! Outros encontros previstos serão: Bem Gil + Davi Moraes + Matheus VK; Vulgue Tostói + Ventre; Kassin + Wado; Biltre + Mohandas; Relógio de Dali + Pietá; Silvério Pontes + Antonio Guerra + Guinga; Luana Carvalho + Pedro Luís; Noites do Norte + Felix Robatto; e Hurtmold + Paulo Santos

Programação Completa do Teatro Ipanema AQUI

01 de Agosto
Horário: 20h30
Valor: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (Lista amiga Meia)

Serviço

FESTIVAL A.NOTA 2017

Show de abertura com Marcelo Jeneci & Lucas Vasconcellos
01 de Agosto, às 20h30
Ingressos: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (Meia)
Teatro Ipanema
Capacidade: 193 lugares
Classificação: livre
Rua Prudente de Morais, 824A – Ipanema
Telefone: (21) 2267-3750
teatroipanema.culturapresente@gmail.com
Facebook/TeatroIpanema

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

30 de jul de 2017

Dia. 3/08 no Teatro Rival vai acontecer o show do Moyseis Marques - “Passatempo”



03/08 (quinta-feira) Moyseis Marques - “Passatempo”: Mineiro de Juiz de Fora, criado na Vila da Penha (RJ), Moyseis Marques é cantor, compositor e violonista.Começou a fazer da música profissão em 1998 e nestes 18 anos de carreira, dedicou-se aos ritmos brasileiros, em especial o samba de raiz, o forró pé de serra e a chamada MPB. Participou ativamente do movimento de forró universitário do final dos anos 90, é fundador das bandas "Casuarina", "Forró na Contramão" e "Tempero Carioca", e em 2001 começou a tocar em bares na Lapa, coração boêmio do Rio de Janeiro, participando ativamente da sua revitalização, junto a outros grandes nomes da música carioca. A partir daí, tornou-se um dos principais talentos da geração de sambistas que surgiram com esta retomada da Lapa e já lançou cinco discos: “Moyseis Marques" (Deck Disc, 2007), “Fases do Coração" (Deck Disc 2009), “Pra Desengomar" (Biscoito Fino 2012), “Casual Solo" (Fina Flor, 2014) e "Made in Brasil" (Sarau, 2015), todos disponíveis para aquisição e audição no Itunes e nos sites de streaming, como Spotify e Deezer. Seu repertório autoral inclui parcerias suas com poetas brasileiros da nova e da antiga geração. É parceiro de Aldir Blanc, Edu Krieger, Nei Lopes, Moacyr Luz, Zé Paulo Becker, Alfredo Del -Penho, Joyce Moreno, Ivan Lins, Zé Renato, Khrystal, Socorro Lira, Pedro Luís, João Cavalcanti, Vidal Assis, João Martinse Yamandu Costa. Tem duas indicações para o Prêmio da Música Brasileira em dois anos consecutivos (Melhor disco e Melhor cantor), foi protagonista do espetáculo musical Ópera  cantor), foi protagonista do espetáculo musical Ópera do Malandro (montagem de João Falcão, que estreou no Theatro Municipal do Rio em 2015) e um currículo que inclui shows e gravações por todo o Brasil, Estados Unidos e Europa. Já dividiu o palco com nomes como Chico Buarque, Yamandu Costa, Arlindo Cruz, Elba Ramalho, Alcione, Paulinho da Viola, Martinho da Vila, Beth Carvalho, Moraes Moreira e Luiz Melodia, por exemplo. PASSATEMPO é um show inesquecível, dançante, que conta um pouco da trajetória desse cantor tão carioca, tão brasileiro, tão apaixonado pela nossa cultura. É um grande show de música brasileira : baiões e xotes, sambas e ijexás, maracatus e canções - o Brasil na veia com sua diversidade e sua alegria.
 O time convocado é da pesada e já acompanha Moyseis há muito tempo: Gabriel Guenther na bateria, Luis Louchard no contrabaixo, Dudu Oliveira nos sopros e o anfitrião armado de voz, violão, tamborim e coração. Horário: 20h. Preços: R$ 40/20 (1o. lote) e R$ 60/30.


Saiba mais

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

"duo SOBRE DESVIOS": peça performativa sobre o abandono é inspirada na experiência autobiográfica da dupla de criadores, na obra de outros artistas e na interação com o público


Duo SOBRE DESVIOS


"duo SOBRE DESVIOS": peça performativa sobre o abandono é inspirada na experiência autobiográfica da dupla de criadores, na obra de outros artistas e na interação com o público

Como celebrar o abandono? Esse é o questionamento feito em "duo SOBRE DESVIOS", montagem teatral independente que o ator, artista visual e contador de histórias Cadu Cinelli e o ator, diretor e professor Fabricio Moser levam para a Sala Baden Powell, em Copacabana, a partir de 5 de agosto para uma temporada de quatro semanas. As apresentações acontecem aos sábados e domingos, às 19h30, até o dia 27, com ingressos a partir R$ 15.
A peça é composta por cenas elaboradas a partir de referências sobre o abandono presentes nas obras do artista visual cearense Leonilson e do poeta mineiro Bartolomeu Campos de Queiroz, na música da islandesa Björk e na literatura do dramaturgo russo Anton Tchekhov, entre outros. Por meio de uma perspectiva experimental, colaborativa e autoral, "duo SOBRE DESVIOS" se constrói trânsito de diferentes linguagens artísticas que se complementam, como o teatro, a dança e a performance, e no jogo criativo entre formas narrativas, poéticas, musicais, videográficas, coreográficas e dramáticas.

Outra característica marcante é a influencia direta da experiência
autobiográfica tanto de seus criadores quanto dos espectadores. Em um dos momentos da peça performativa, motivados pela pergunta que move a montagem, o público é convidado a contar vivências pessoais de abandono ou a abandonar objetos que, a cada nova apresentação, são incorporados à dramaturgia. "O
público se torna coautor. A cada apresentação, encontramos as respostas daquela noite, mas na seguinte podemos nos deparar com respostas diferentes para a mesma questão. A pergunta é sempre a mesma, mas a resposta não",
explica Fabrício. "Criamos um espaço de encontro para celebrar o abandono como uma ideia de desvio físico, uma mudança de direção não necessariamente
negativa. O desejo é proporcionar um espaço de experiência tanto para o público quanto para nós mesmos", completa Cadu.

Saiba Mais

Sala Baden Powell - Av. Nossa Senhora de Copacabana 360. Tel.: 2255-1067
Temporada: de 5 a 27 de agosto - sábados e domingos, às 19h30.
Duração: 70 minutos. Capacidade: 40 lugares. Classificação indicativa: 18anos. Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada).

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

29 de jul de 2017

Bacanissima + Mistério do Planeta , dia 4/08 no Gafieira Elite



Bacanissima + Mistério do Planeta na casa mais amor do Rio!Dia 4/08  Duas festas na Gafieira pra gente se acabar com distribuição de confetes, purpurina, biscoito globo e beber bong. 3 DJs pra agitar a noite, projeção visual e muito mais!
Foram dezenas de edições até aqui, milhares de pessoas, temas e dessa vez é tudo junto! Vamos?
Ingresso 20 reais.
Dia 4/08  / Horário 23h.
 as 13h.

PARA TODOS OS SEGUIDORES DA @AGENDACULTURALRJ,  UM SUPER DESCONTO ESPECIAL PARA COMPRA DE INGRESSOS NA PORTA DO EVENTO 👉 R$5
Basta dizer que segue a gente 😉👍

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

“O Homem que queria ser Rita Cadillac”- deliciosa comédia sobre a “diva do Brasil e do povo” - reestreia dia 4 de agosto na Casa de Baco


Comédia de Márcio Américo retrata a história de Clóvão, um brasileiro, que como todos, não desiste nunca dos seus sonhos.
Foto divulgação: Kelly Knevels
Fã da eterna chacrete entra numa série de confusões por amor à musa dos anos 70

Comemorando 120 apresentações e 7 anos de montagem,  a Tartufaria de atores reestreia o espetáculo “O Homem que queria ser Rita Cadillac” dia 4 de agosto, 21h no Teatro Casa de Baco, Lapa.

 A comédia de Márcio Américo conta a história de Clovão - um homem perdidamente apaixonado pela musa do “Cassino do Chacrinha”, Rita Cadillac que, acreditando que só será possível conquistá-la tendo dinheiro, planeja assaltar um banco, mas acaba sendo preso. Na cadeia, conhece Jotalhão - um matador que o ajuda a elaborar um plano de fuga inspirado em um programa de tv sensacionalista. O desfecho traz questionamentos sobre as intenções do protagonista.

A montagem, que rodou o Brasil, esteve em cartaz em grandes teatros e foi aplaudida por mais de 20 mil espectadores, cumpre temporada até dia 26 de agosto, as sextas e sábados, 21h.

Recheada de situações cômicas absurdas, a peça dirigida por Fábio Guará, tem pitadas de humor político e trilha sonora inusitada.


 SAIBA MAIS 



FICHA TÉCNICA:
Texto: Márcio Américo
Direção: Fábio Guará
Elenco: Celso Jardim, Daniel Bouzas, Fabrício Victorino, Fábio Guará, Pedro Rodrigues, e Lucas Tapioca

Supervisão artística: Ricardo Blat
          
SERVIÇO:
Reestreia: 04 de agosto
Local: Casa de Baco – Rua da Lapa, 243 – Telefone: (21) 3796-6191
Temporada: De 04 a 26 de agosto
Horários: Sexta e sábado, 21h
Valor: R$ 20,00 (Inteira) R$ 10,00 (meia)
Duração: 60 min.
Classificação: 14 anos
Gênero: Comédia
Capacidade: 70 lugares

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Espetáculo infantil “RAPUNZEL” , de 5 a 27/08 no Teatro Glauce Rocha, a preços populares


Espetáculo infantil “RAPUNZEL”

Adaptação de Leonardo Simões a partir do conto dos irmãos Grimm

Nessa adaptação a história da menina de longas tranças, que é presa numa torre pela bruxa má, é contanto por uma empregada doméstica, mesclando referências da fantasia com os seus afazeres, como forma de tornar mais leve sua rotina de trabalho. O cenário é construído com materiais domésticos que remetem ao ambiente onde a história é narrada. A peça estará em cartaz de 05 a 27 de agosto, sábados e domingo, às 16h no Teatro Glauce Rocha.

Saiba mais

SERVIÇO: 
RAPUNZEL
Data: 05 a 27 de Agosto – Sábados e Domingos 16h
Endereço: Teatro Glauce Rocha - Av. Rio Branco, 179 - Centro
Telefone: (21) 2220-0259
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Classificação: Livre
Duração: 50 min

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

28 de jul de 2017

GRUPO GIRAMUNDO ENCENA PEÇA INFANTIL NA CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO, dias 29 e 30 de julho! GRATUITO


GRUPO GIRAMUNDO ENCENA PEÇA INFANTIL NA CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO




Grupo de teatro de bonecos promove lançamento do catálogo da Mostra Mundo Giramundo e fará apresentações gratuitas da clássica história Pedro e o Lobo

O grupo de teatro de bonecos Giramundo apresenta, neste sábado e domingo (29 e 30), às 16h, na CAIXA Cultural Rio de Janeiro, a clássica peça infantil Pedro e o Lobo, com entrada franca. A encenação do espetáculo, no sábado, marca também o lançamento do catálogo da Mostra Mundo Giramundo em evento aberto ao público.

A peça Pedro e o Lobo é baseada no conto sinfônico do maestro russo Sergei Prokofiev e apresenta às crianças a estrutura elementar de uma orquestra, seus instrumentos e timbres. A obra narra a história do menino Pedro e de seus amigos que, ao contrariarem os conselhos do avô, se veem às voltas com um grande e feroz lobo da floresta. A simplicidade e a mobilidade do espetáculo fizeram dele a montagem mais encenada da história do grupo Giramundo.

Exposição:
A Mostra Mundo Giramundo, em cartaz na CAIXA Cultural Rio de Janeiro até o dia 27 de agosto, cobre parte da rica trajetória do grupo mineiro, apresentando 160 marionetes de confecção própria. Além de conhecer as marionetes, o público pode aprender sobre seu processo de criação e assistir a flashes em vídeo de muitos momentos da trajetória do Giramundo.

Ficha Técnica:
Direção: Álvaro Apocalypse
Música: Sergei Prokofiev
Construção De Bonecos: Beatriz Apocalypse, Marcos Malafaia, Gustavo Noronha. Ulisses Tavares
Figurino: Beatriz Apocalypse E Endira Drumond
Marionetistas: Andrea Baruqui, Beto Militani, Leo Campos
Técnica: Tito Fernandes

Serviço:
Apresentação da peça “Pedro e o Lobo” e lançamento do catálogo da Mostra Mundo Giramundo

Entrada Franca

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Foyer
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro (Metrô e VLT: Estação Carioca)
Data: 29 e 30 de julho de 2017 (sábado e domingo)

Horário: às 16h
Telefone: (21) 3980-3815
Classificação indicativa: Livre
Acesso para pessoas com deficiência
Patrocínio: Caixa Econômica Federal e Governo Federal

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

"NO BECO DA MALANDRAGEM" Um convite para visitar o malandro carioca a partir da década de 50, passando pelas nuances poéticas e respectivas características que são refletidas nos corpos dos bailarinos em cena.


 "A MOVIMENTHU'S CIA DE DANÇA tem o prazer de apresentar seu primeiro espetáculo, "NO BECO DA MALANDRAGEM".
Direção, concepção e coreografia Aline Araújo.

Um convite para visitar o malandro carioca a partir da década de 50, passando pelas nuances poéticas e respectivas características que são refletidas nos corpos dos bailarinos em cena.
Trazemos a lábia, malemolência, elegância, charme, sedução, cavalheirismo e esperteza da vida do malandro, que sobreviveu às dificuldades e se fez crescer dentro de sua comunidade, gravando na história carioca a palavra malandragem.

Cariocas conhecidos assim, por sua esperteza e seu modo de levar a vida, sempre tentando dar um jeito de escapar das dificuldades que lhe são impostas, sem perder o sorriso no rosto e a ginga no pé. Falamos desse malandro, que passa pelas vielas sem perder a direção, do malandro que encontra nos becos da vida, a saída... a solução

Saiba Mais

Serviço:
Dias: 28, 29 e 30/07 e 04, 05 e 06/08 (sexta a domingo)
Horário: 20h
Valor: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (meia) e R$ 5,00 (alunos da rede pública de ensino)
Ingressos à venda no site do Ingresso Rápido e na bilheteria do Teatro.
Local: Teatro Armando Gonzaga - Av. Gal. Osvaldo Cordeiro Farias, 511 – Marechal Hermes
Informações: 2332-1040

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

27 de jul de 2017

Editora Cobogó lança Arte Brasileira para Criançascom oficinas gratuitas durante as férias de julho


A editora Cobogó promove quatro lançamentos do livro Arte Brasileira para Crianças no mês de julho. Durante os eventos gratuitos, nos dias 22 e 29, as crianças participarão de diversas atividades interativas com tecidos, fitas, isopor e papéis. Todas as brincadeiras propostas foram criadas a partir do livro.



A obra, organizada por Isabel Diegues, Márcia Fortes, Mini Kerti e Priscila Lopes, reúne trabalhos de 100 artistas brasileiros que fizeram história, entre eles Adriana Varejão, Alfredo Volpi, Beatriz Milhazes, Candido Portinari, Chelpa Ferro, Hélio Oiticica, Leonilson, Lygia Clark, Tarsila do Amaral e Tunga. “O livro foi feito para crianças e também adultos interessados em se aventurar no mundo das artes. É lúdico e enriquecedor.”, explica Isabel.


Lançamentos:

29/07 (Sábado) – 11h – Carpintaria – Rua Jardim Botânico, 971, Jardim Botânico. Grátis.


Serviço:

Título: Arte Brasileira para Crianças

Autoras: Isabel Diegues, Márcia Fortes, Mini Kerti e Priscila Lopes

Editora: Cobogó

Ilustração: Juliana Montenegro

Número de páginas: 224 páginas, 23,5x30 cm.

ISBN: 978-85-5591-015-9

Encadernação: Brochura

Formato: 23,5 x 30 cm

Peso: 1,8 kg

Profundidade: 2 cm

Ano de edição: 2016

Preço de capa: R$ 85,00

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj

Mira Callado: Mira Callado é cantora e compositora natural do Rio de Janeiro que teve seu nome conhecido nacionalmente após participar da primeira temporada do programa “The Voice Brasil”,



29/07 (sábado) Mira Callado: Mira Callado é cantora e compositora natural do Rio de Janeiro que teve seu nome conhecido nacionalmente após participar da primeira temporada do programa “The Voice Brasil”, conquistando uma das maiores torcidas de toda a temporada. Sua música "Mentira" já foi tocada em vários programas de TV. Mira acaba de lançar seu novo single Guerra Fria pela gravadora Deck Disc. Neste dia fará sua sexta apresentação no palco do Teatro Rival e promete emocionar mais do que nunca, contando sempre com a presença dos fãs "Mirados" para lotar a casa. Seu show será acústico e intimista com canções autorais e releituras de grandes sucessos da música nacional e internacional. Horário: 20h. Preços: R$ 40/20 (1o. lote) e R$ 50/25.

Serviço:

Teatro Rival Petrobras
Rua Álvaro Alvim, 33/37 - Centro/Cinelândia - Rio de Janeiro
(21) 2240-9796 
Capacidade: 400 pessoas
Censura: 18 anos

Bilheteria (novo horário!): terça à sexta das 13h às 21h; sábados e feriados das 16h às 22h.



Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

QUERO SER REGINA a Peça teatral questiona a subjetividade do sucesso e expõe dificuldades enfrentadas pelos atores em busca reconhecimento profissional

QUERO SER REGINA

o   Peça teatral questiona a subjetividade do sucesso e expõe dificuldades enfrentadas pelos atores em busca reconhecimento profissional

o   Monólogo estrelado por Paula Goja tem como referência e fio condutor a atriz Regina Duarte e seus papéis marcantes na televisão brasileira

Uma atriz que sonha em fazer novelas. Sem perspectiva, começa a questionar suas convicções e pensa em desistir de tudo. Esse é o ponto de partida de “Quero ser Regina”, montagem independente idealizada pela atriz e produtora Paula Goja, que estreia em 3 de agosto no Teatro Glauce Rocha para uma temporada de cinco semanas. As apresentações acontecem as quartas e quintas-feiras, às 19h, até o dia 31, com ingressos a partir R$ 15. A direção é de Cristiana Pompeo.

No palco, Paula Goja dá vida à Paola, uma atriz atormentada por uma crise profissional e pessoal que a leva a frequentar o consultório de um analista. Prestes a desistir da carreira, ela questiona, em meio a diversas situações tragicômicas e delírios existenciais, se vale a pena persistir diante de todas as dificuldades que enfrenta em busca de trabalho e de reconhecimento. O monólogo tem como referência e fio condutor a atrizRegina Duarte e seus inúmeros papéis marcantes na televisão brasileira.

Qualquer semelhança não é mera ficção. Paula Goja escreveu “Quero Ser Regina” trazendo muitos dos desafios enfrentados pelos atores no mercado, começando por questionar o conceito de sucesso.

“A televisão é considerada uma espécie de vitrine. Mas é um meio muito competitivo e conquistar espaço nele não é nada fácil, nem mesmo para aqueles que acumulam anos de experiência nos palcos. O que é ter sucesso? Uma atriz só pode ter sucesso quando está na TV?, questiona a atriz. “A peça traz muitas das minhas experiências. É uma comédia muito sensível, pois fala do ofício de ser atriz. Retrata as angústias de quem não consegue exercer a própria profissão e a ansiedade da espera por uma oportunidade”, completa a atriz, que é fã de carteirinha de Regina Duarte e também quis prestar uma homenagem à eterna namoradinha do Brasil e grande ídolo da telenovela nacional.

  FICHA TÉCNICA
SAIBA MAIS 



QUERO SER REGINA

Teatro Glauce Rocha – AV. Rio Branco 179, Centro. Tel.: 2220 0259

Temporada: de 3 a 31 de agosto – quartas e quintas, às 19h

Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia e lista amiga)


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

26 de jul de 2017

OCUPAÇÃO RIO DIVERSIDADE


OCUPAÇÃO RIO DIVERSIDADE




Depois de passar por Nova Iorque e São Paulo, reestreia dia 22 de julho, para curta temporada no Teatro Ipanema. Indicado ao Prêmio Shell na categoria Inovação e ao prêmio APTR na categoria Especial, espetáculo reúne expoentes do teatro carioca em quatro peças curtas que celebram a diversidade sexual e de gênero.
Conduzida pela dragqueen Magenta Dawning a OCUPAÇÃO RIO DIVERSIDADE apresenta quatro solos consagrados pela crítica, que acontecem no mesmo dia e horário, um em sequência do outro. São eles: Larissa Bracher, em Genderless – Um Corpo Fora da Lei, de Marcia Zanelatto e direção de Guilherme Leme Garcia; Kelzy Ecard, em Como Deixar de Ser, de Daniela Pereira de Carvalho e direção de Renato Carrera; Thadeu Matos em A Noite em Claro de Joaquim Vicente e direção de Cesar Augusto; Gabriela Carneiro da Cunha em Flor Carnívora de Jô Bilac e direção de Ivan Sugahara.


As quatro peças

Texto de Marcia Zanelatto com direção Guilherme Leme Garcia, com Larissa Bracher, Genderless – Um Corpo Fora da Lei é inspirado na história real de Norrie May-Welby que, em 2010, depois de travar uma luta contra o Estado da Austrália, se tornou a primeira pessoa do mundo a ser reconhecida como "sem gênero específico" (genderless). A partir do fato, a peça reflete poeticamente sobre os gêneros masculino e feminino e os conflitos entre as identidades sexuais e as estruturas sociais.
Como Deixar de Ser tem texto de Daniela Pereira de Carvalho e direção de Renato Carrera. Na montagem, uma mulher de meia idade, interpretada por Kelzy Ecard, está presa dentro de um "armário-sala", herança da mãe, simbolizando sua prisão interna. Durante 20 minutos de exasperação, ela divide com a plateia o peso de não ter a coragem de assumir quem é verdadeiramente, revelando seus pensamentos e desejos mais profundos.
Já o texto de Joaquim Vicente A Noite em Claro tem direção de Cesar Augusto em solo de Thadeu Matos. O autor lembra que ainda estava sob o impacto do assassinato do diretor teatral Luiz Antonio Martinez Correa nos anos 1980 quando, numa manhã, um amigo e escritor famoso, chegou pouco antes de amanhecer à sua casa e contou que tinha passado “a noite em claro” com um assassino que talvez fosse o mesmo procurado pela morte de Luiz Antonio. O contundente e verídico relato foi transformado em peça.



A última peça da noite, de Jô Bilac, com direção de Ivan Sugahara e solo de Gabriela Carneiro da Cunha, é Flor Carnívora. Em plenária, a flor carnívora afirma o hermafroditismo das plantas, sua indefinição de gênero, sua intersexualidade, e protesta contra a colonização organizadora do homem, que procura catalogar e normatizar o que a natureza criou diverso. Um ato de liberdade por um mundo menos transgênico e mais transgênero.
Idealização e Direção Geral: Marcia Zanelatto
Elenco:
Bruno Henriquez, Gabriela Carneiro da Cunha, Kelzy Ecard, Larissa Bracher e Thadeu Matos
Direção: César Augusto, Guilherme Leme Garcia, Ivan Sugahara e Renato Carrera
Cenários e Design Gráfico: Daniel de Jesus
Iluminação: Daniela Sanchez e Tiago Mantovani
Design de Som para a peça “Genderless”: Marcello H.
Visagismo: Márcio Mello
Cenotécnico: Renato
Contrarregragem: Renato Barreto e Cristiane Murilo
Técnico de Luz: Anderson Peixoto
Fotos: Elisa Mendes e Juliana Chalita
Vídeo: Diogo Fujimura
Edição de Vídeo: Raquel Diniz
Mídias Sociais: Marina Rattes
Assistente de Produção: Glauco Deris
Produção Executiva: Pedro Uchoa
Direção de Produção: Juliana Mattar
Realização: Transa Arte e Conteúdo


22 de julho a 14 de agosto
Sábados às 21, domingos e segundas às 20h
R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)
Duração: 100 minutos
Classificação indicativa: 18 anos
Teatro Ipanema


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Elizethissima: Alaide Costa e Aurea Martins: Duas das grandes cantoras da MPB cantam juntas em homenagem a Elizeth Cardoso, uma das maiores intérpretes do nosso país. Dia 28/07 no Teatro Rival


28/07 (sexta-feira) Elizethissima: Alaide Costa e Aurea Martins: Duas das grandes cantoras da MPB cantam juntas em homenagem a Elizeth Cardoso, uma das maiores intérpretes do nosso país. O projeto foi idealizado por Hermínio Bello de Carvalho, compositor e poeta, que foi produtor musical das três artistas. Após estreia em maio de 2014 com ingressos esgotados no Teatro do Centro Cultural Correios RJ, percorrerem algumas lonas e arenas culturais cariocas e por duas vezes lotaram o Teatro Rival no mesmo ano. Em 2015 apresentaram-se na Caixa Cultural Curitiba em três dias de teatro cheio e emocionaram uma plateia de mais de 500 pessoas no Imperator-RJ. Em 2017 voltam no mês de aniversário da cantora Elizeth Cardoso para este encontro atemporal no palco do Teatro Rival no dia 28 de julho. Em “Elizethíssima”, Hermínio Bello Carvalho e o pianista Zé Maria Rocha (Grupo Terra Trio) são os responsáveis pelo roteiro, que terá mais de 20 canções, como os sucessos “Serenata do Adeus”, de Vinícius de Moraes, “Chega de Saudade”, de Tom Jobim, “Acontece”, de Cartola, e “Minhas Madrugadas”, de Paulinho da Viola. Para o roteiro, Hermínio e Zé Maria priorizaram as canções que Elizeth gostava de cantar, mas que não foram gravadas e outras que ficaram marcadas em sua voz, inclusive algumas músicas do LP “Canção do Amor Demais”, álbum de composições de Vinícius de Moraes e Tom Jobim, lançado em 1958, cantado por Elizeth e considerado até hoje o marco inicial da Bossa Nova. As cantoras são acompanhadas por quatro jovens músicos: Kiko Horta, piano e acordeom; Pedro Aune, baixo acústico; Marcos Tadheu, percussão; e Lucas Porto no violão, arranjos e direção musical. Lucas é também o arranjador dos dois últimos CDs de Áurea Martins. O espetáculo ainda conta com a participação de Hermínio Bello de Carvalho e do jovem cantor e compositor Vidal Assis, que no roteiro do show homenageia a dupla Elizeth Cardoso e Ciro Monteiro, quando a dupla apresentava na antiga TV Record o programa Bossaudade. Com mais de 40 anos de carreira e uma longa trajetória musical, Áurea e Alaíde conheceram Elizeth quando ainda não cantavam profissionalmente, mas não demorou muito para se tornarem conhecidas e consideradas, pela própria homenageada, as melhores intérpretes do país. O encontro de Áurea Martins, Alaíde Costa, Hermínio Bello de Carvalho e a homenageada Elizeth Cardoso, quatro grandes nomes da MPB, será um presente ao público naquele que promete ser um emocionante espetáculo. - Sempre que construímos um espetáculo, pensamos, em primeiro lugar, no que desejamos expressar com nosso trabalho. Ter Alaíde e Áurea homenageando Elizeth já foi aquele ‘algo a mais’ que devíamos ao público da Divina, que gostava desses encontros – afirma Hermínio, sem esconder o peso em ser idealizador e roteirista do espetáculo e o carinho que tem por essas três grandes cantoras. Horário: 20h. Preços: R$ 80/40 (mesas A), R$ 60/30 (mesas B) e R$ 50/25 (lounge). No Rivalzinho, DJ Tito Figueiredo (19h ).


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj

  Instagram

IMPERATOR – Centro Cultural João Nogueira, apresenta: Gomalina Clube canta Noel Rosa



O Gomalina Clube nasceu da ideia de homenagear a música, reverenciar nossos grandes compositores e 
contemplar os movimentos musicais que serviram de alicerce para o que escutamos hoje. Um resgate dos
múltiplos elementos que construíram uma música tão plural e democrática que se faz respeitada e admirada
em todo mundo.
O primeiro homenageado é o grande compositor da Música Popular Brasileira Noel Rosa que apesar de ter
vivido apenas 26 anos, sendo sete deles dedicados a composição de mais de 250 canções, se figura como um
dos mais importantes compositores de nosso país.


Noel era diferenciado, um cronista do cotidiano, que contava em suas canções um Brasil menino, recém
republicano. De vida boêmia e desregrada, compôs com tanta veemência que ainda hoje há canções que são
praticamente inéditas. Fundamentado nisso, o projeto busca, através de uma pesquisa minuciosa em sua
obra, levar ao público essas relíquias desconhecidas, além dos eternos sambas já consagrados.

Saiba mais

Cadu Pacheco – Músico e Arranjador do grupo.
O show começou a ser idealizado há dois anos pelos três músicos e amigos, e que à três formaram o grupo
Gomalina Clube. “O grupo foi criado inicialmente para homenagear Noel Rosa, um desejo antigo do Renato,
especialmente. Embarcamos nessa por que nos pareceu uma boa ideia para estarmos juntos, fazer música e
desenvolver um trabalho bonito, feito no capricho”, revela (Rafael Tavares).
Com iluminação de Renato Machado, figurinos de Hugo Leão, show tem a proposta resgatar a obra e, sem
dúvida, resgatar um pedaço da história da música brasileira. Mas a pergunta do grupo e da diretora Duda
Maia é: Quem seria Noel em 2017?

 Ficha técnica: 
Direção: Duda Maia
Elenco: Renato Badeco, Cadu Pacheco, Rafael Tavares, Felipe Tauil, Marcos Luz
Direção de Produção: Bruno Mariozz
Figurino: Hugo Leão
Iluminação: Renato Machado
Idealização: Gomalina Clube
Produção: Palavra Z Produções Culturais
SERVIÇO: 
Apresentação: 03 de agosto de 2017
Horário: quinta, às 16h
Ingresso: R$ 40,00 - inteira
 R$ 20,00 – estudantes, professores da rede pública, sênior acima de 60 anos
Duração: 50min
Capacidade: 642 lugares
Classificação indicativa: livre
Local: Imperator – Centro Cultural João Nogueira
Endereço: Rua Dias da Cruz, 170 - Méier
Tel: (21) 2597-3897
http://www.imperator.art.br/
Acesso para portadores de necessidades especiais

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

ARRAIÁ DO RIO TERÁ EDIÇÃO NA PRAÇA AFONSO PENA NO ÚLTIMO FINAL DE SEMANA DE JULHO

ARRAIÁ DO RIO TERÁ EDIÇÃO NA PRAÇA AFONSO PENA NO ÚLTIMO FINAL DE SEMANA DE JULHO



Nos dias 28, 29 e 30 de julho o Arraiá do Rio acontece na Praça Afonso Pena, na Tijuca. Além das comidinhas típicas das festas juninas, o evento terá também gastronomia e cervejas artesanais. Quem estiver por lá ainda irá se divertir com músicas caipiras, forró e xote nas apresentações dos grupos Trio Pé de Serra, Neidiha Rocha, Carioca Bumba Meu Boi e Quadrilha Pode C Show. Para as crianças terá pescaria, boca do palhaço, corrida de saco, estátua, dança da colher, argola, entre outras brincadeiras com o grupo Artemanhas Brincantes.

Dia 28/07 (sexta-feira) - 18hr às 23hr

Grupo Artemanhas Brincantes (20:00hr)

Dia 29/07 (sábado) - 14hr às 23hr

Neidiha Rocha e Trio pé de Serra (18:30hr)

Grupo Encanto Carioca Bumba Meu Boi (20:30hr)

Dia 30/07 (domingo) - 14hr às 23hr

Quadrilha Pode C Show (18:00hr)

Trio Pé de Serra (20:00 hr)

Arraiá do Rio - Edição Tijuca

Praça Afonso Pena - Rua Dr. Satamini, 160 - Tijuca

Saiba Mais 


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

“Giovanna” musical ítalo-brasileiro estreia no Fashion Mall no dia 2 de agosto

“Giovanna” musical ítalo-brasileiro estreia no Fashion Mall no dia 2 de agosto

O musical traz repertório de clássicos da música italiana em uma adaptação do romance de Léon Denis

Com direção da dramaturga Bel Bianchi e repertório repleto de clássicos da música italiana, “Giovanna, o musical - um amor que atravessa vidas”, baseado no romance de Léon Denis, estreia no dia 02 de agosto (quarta-feira), no teatro Fashion Mall (Estrada da Gávea, 899 - São Conrado). O espetáculo fica em cartaz até o dia 31 de agosto, sempre às quartas e quintas-feiras, às 21h. Ingressos por R$60 (inteira) e R$30 (meia*). Vendas online pelo site https://www.tudus.com.br/.

*um quilo e alimento dá direito a meia entrada social.

Produzido pela A Serpente Cultura e Entretenimento, “Giovanna, o musical” é uma envolvente e bem humorada história de amor, com reflexões sobre espiritualidade. O enredo se passa na região da Lombardia, no pequeno vilarejo de Gravedona, nas proximidades de Milão, na Itália, nos anos 1920. “Tinha notado que nessa nova geração de musicais, a música italiana ainda não tinha sido explorada em produções brasileiras. O enredo, a energia e alegria que a música italiana nos proporciona se encaixaram com uma luva na linguagem e signos do teatro musical”, afirma a diretora Bel Bianchi.

A trilha, formada por clássicos do cancioneiro italiano de todos os tempos, traz músicas que atravessaram gerações e são lembradas até hoje. No repertório estão canções como “Con te partirò”, “Che sarà”, “Felicitá”, ‘Dio como ti amo”, “Mio babbino Caro”, “Al di lá”, entre outras. O espetáculo conta com a direção musical de Patrícia Evans, cantora e mestra em canto. As coreografias são de Arthur Rozas, dançarino e coreógrafo com participação em vários musicais, entre eles “Tropicalistas” (Ciro Barcelos), “Estúpido Cupido” (Gilberto Gawronski), “O Mágico de Oz” (Charles Moeller e Cláudio Botelho), “André Rebouças, o Engenheiro Negro da Liberdade” (Andre Câmara), “A Borralheira” (Fabianna de Mello e Souza).

A peça apresenta um elenco de atores com grande talento musical e passagem por outros trabalhos do gênero. A atriz Sofia Toscano
(Giovanna), esteve nas duas temporadas do musical “Across The Universe BR”, além de ter participado nas novelas “I Love Paraisópolis“ e “Rock Story”, ambas da Rede Globo.

SAIBA MAIS


SERVIÇO:

“Giovanna, o musical - um amor que atravessa vidas”
Direção: Bel Bianchi
Elenco: Sofia Toscano (Giovanna), Christian Villegas (Maurice), Victor Gorlach (Gennaro) e Ananda Ismail (Lucia).
Direção musical: Patrícia Evans
Coreografia: Arthur Rozas
Local: Teatro Fashion Mall - Estrada da Gávea, 899 - São Conrado
Estreia: 02 de agosto, quarta-feira, às 21h
Em cartaz de 02 a 31 de agosto,
sempre às quartas e quintas, às 21h
Ingressos: por R$ 60 (inteira) e R$30 (meia)
Classificação etária: Livre
Duração: 80 minutos
Vendas antecipadas pelo site https://www.tudus.com.br/

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

O espetáculo “Beatles Num Céu de Diamantes” reestreia no Teatro Net Rio Maitê Padilha, que foi protagonista a da série Gaby Estrella, do Gloob, fará participação especial no dia 29/07


Visto por mais de 700 mil espectadores desde sua estreia em 2008, o musical “Beatles Num Céu de Diamantes” retorna para mais uma curta temporada no Rio de Janeiro. E as apresentações seguem com convidados especiais. Maitê Padilha, que ficou conhecida como a Gaby da série Gaby Estrella, exibida no Gloob, foi convidada para participar da apresentação do dia 29/07. Para quem não sabe, Maitê também sabe tocar violão, piano e bateria. A atriz apresentará duas canções no musical.

O espetáculo, dirigido pela dupla Charles Möeller e Claudio Botelho, é uma revista musical com a obra dos Beatles, e faz um passeio por um dos repertórios mais ricos da música popular criada a partir da segunda metade do século XX. As canções são rearranjadas para a linguagem do teatro musical e não há um único número que seja no estilo “cover de Beatles”, e sim uma viagem lisérgica pelas canções e o que elas trazem ao nosso imaginário.

No elenco estão Alessandra Verney, Malu Rodrigues, Jules Vandystadt, Ivanna Domenyco, Estrela Blanco, Pedro Sol, Lui Coimbra, Rodrigo Cirne, Chris Penna, Naife Simões e Tony Lucchesi.

Serviço:
Beatles Num Céu de Diamantes
Local: Theatro Net Rio
Endereço: Rua Siqueira Campos, 14,  Sobreloja,  Copacabana
Dias e horários: De 14 a 30/07. Sextas e Sábados às 21h | Domingos às 18h
Preços: Os ingressos variam de R$ 50 a R$ 100

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

25 de jul de 2017

Sonoridade pop e discurso ARTivista: Aíla volta ao Rio de Janeiro com nova fase da turnê “Em Cada Verso Um Contra-Ataque”


AÍLA

Cantora sobe ao palco do Teatro Ipanema no dia 16 de agosto, em show com participação especial do cantor e compositor Posada


Turnê, que passará ainda por Salvador, vai originar vídeo-documentário com trechos de shows, relatos de viagem, entrevistas e rotina de ensaios.



Nascida na Terra Firme, bairro da periferia de Belém, Aíla é um dos principais nomes da nova música produzida no Pará e no Brasil.

SAIBA MAIS 


Quarta-feira, 16 de agosto
20h30
R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (Lista amiga Meia)
Classificação: Livre
Projeto Musical Curto Circuito
Teatro Ipanema




Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Digite aqui o seu e-mail e passe a receber a programação cultural GRATUITA do Rio de Janeiro

Minha lista de blogs